• Pedro Sahium

Religião, Civilização e Premissas da Cultura Moderna

Atualizado: Jun 16

Nesse primeiro encontro (por vias eletrônicas), com a turma do curso de Extensão/2020 - Religião e Modernidade, faremos uma breve exposição sobre a formação da cristandade e a importância da religião na constituição da chamada Civilização Ocidental Cristã.

Vamos lembrar as bases históricas em que se estabeleceu essa religião que moldou o nosso mundo, dando a ele, até hoje, os seus contornos mais marcantes. Vamos, propositadamente, alçar a religião a uma papel de fundamento da cultura, sem dispensar totalmente os aspectos econômicos, psicológicos, sociopolíticos e geográficos.



Como já disse em outra oportunidade, a religião não pode ser tratada como um 'epifenômeno' - um fenômeno que só existe em decorrência de outro fenômeno, esse sim, mais importante. Como epifenômeno a religião só viria até nós a reboque de outra ciência. O nosso curso deve analisar o fenômeno religioso como singular, gerador de transforações, marca essencial dos povos, 'suspiro dos oprimidos', 'maior gerador de sentido' etc.




Religião por toda parte...hoje




Nos últimos tempos a religião já foi definida como "ópio do povo" (Marx e Engels), "uma ilusão" (Freud), e mais tarde foi denunciada/rejeitada como "um vírus" (Dawkins). Contudo a religião continuava como "uma cadáver que ainda respira". O filósofo Nietzsche fez o "enterro de Deus", e declarou que ele estava morto. Mas, no século seguinte ao de Nietzsche, a religião islâmica experimentou um revival, no Irã dos aiatolás, a partir de 1979, e avançava pela Europa por movimento migratórios; o avivamento religioso cristão ganhou força nas Américas, dentro do catolicismo com o Movimento Carismático e no Protestantismo com os avivamentos em diversas denominações e, no Brasil, com os já conhecidos Evangélicos Pentecostais - Assembleia de Deus (AD), Congregação Cristã do Brasil (CCB) e outros; surge na América Latina a teologia engajada politicamente, Teologia da Libertação; os chamados grupos Pentecostais ganham projeção midiática, primeiro por meio das rádios, depois por programas de televisão, atingem as parcelas mais pobres da América Latina, já o tinham feito nos EUA, e avançam nas classes médias e tornam-se performáticas; Novos Movimentos religiosos (NMRs) surgem por toda parte, com revisitados programas religiosos, associados a técnicas terapêuticas, práticas de meditação, contemplação, Yoga, filosofias orientais etc.


Não se pode ignorar o fenômeno religioso. Precisamos entendê-lo, debatê-lo sob óticas variadas e tentar captar aquilo que o fenômeno nos ensina sobre o ser humano, suas sociedades, e até sobre nós mesmos. As ciências da religião não é um estudo de teologia, embora tenha apreço pelos textos sagrados das religiões, bem como pelo seus mitos, ritos, símbolos e dogmas (elementos constitutivos de uma religião). As religiões se aproximam muito em suas práticas, nas maneiras de dar sentido, ou, beleza e ordem às coisas do mundo. Isso não as torna mais facilmente catalogáveis mas nos permite vislumbrar um universo de confluências nas suas ordenações.



Como ponto inicial teremos o nosso encontro virtual, que posteriormente deixarei postado nesse blog, e sugiro que vocês assistam o breve vídeo de Frank Usarski sobre o que define a religião e responda às seguintes questões: Quais as formas iniciais de entendimento da palavra 'religião'? Qual a diferença entre 'religião' e 'espiritualidade'? Das maneiras salientadas por F. Usarski, sobre a definição de religião, qual te chama mais atenção, ou, no seu ponto de vista, tem um apelo social mais forte? (Vamos postar nossas respostas no FÓRUM e durante a semana vamos conversando por seu intermédio)




No nosso próximo encontro vamos falar sobre o Sagrado e o Profano, de Mircea Eliade. O livro está disponível abaixo para uma leitura inicial. repare-se para discutirmos o assunto tratado por esse historiador das religiões.



O sagrado e o profano - Mircea Eliade pdf





140 visualizações
  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon

Contato

E-mail: psahium@hotmail.com